Cadastre-se e receba novidades

Nome*

E-mail*


Seus dados foram enviados com sucesso.
Dance, dançar faz bem! - Mr. Jazzy

Dance, dançar faz bem!

Você é do tipo que não pode ouvir uma música que já sai batucando, batendo o pézinho ou correndo na esteira no ritmo que está bombando nos seus fones de ouvido? Pois uma pesquisa realizada por aqui afirma que dançar não só deixa o seu humor melhor, mas pode fazer bem para a relação que você mantém com a galera.

Dançar com outras pessoas, daquele jeitinho, sincronizado, seguindo passinhos, faz com que você acredite mais nas pessoas. Quando alguém está se movimentando no mesmo ritmo que a gente, o cérebros acabam perdendo um pouco a noção entre a diferença entre “eles” e “eu” – e entende que é como se vocês se tornassem um só. Fazer aula de dança, invariavelmente, dá aquela sensação de pertencimento:  você é capaz de acompanhar os passos e fazer algo maior e mais imapctante do que se estivesse sozinho.

Além desse bem-estar e dessa sensação generosa, a pesquisa ainda apontou que quem faz aulas de dança com outras pessoas libera muito endorfina  — como rola com qualquer outro exercício. E quanto mais endorfina você produz, menos dor sente. Portanto, não se intimide diante de uma pista cheia, na festa da família ou no casamento do melhor amigo. Melhor ainda: que tal experimentar umas aulinhas de dança de salão para se dar melhor com as minas?

Foto: QZ.com

Tags:

Uma opinião sobre “Dance, dançar faz bem!”

  1. “… Dançar é como abrir as cortinas de um teatro: cheio de emoção, cheio de felicidade, libidinoso e ao mesmo tempo cheio de paz. A dança é a forma de expressão sentimental mais sincera que existe”.
    Stefhanie Figueirêdo
    Que seja dançar, cantar, se exercitar…o importante é se mexer!!! Não parar no tempo e nem no espaço, afinal… o importante é ser feliz!!!
    Muito bacana o post Marone. ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>