Cadastre-se e receba novidades

Nome*

E-mail*


Seus dados foram enviados com sucesso.
O mojito de Hemingway - Mr. Jazzy

O mojito de Hemingway

Mojito

Diz que Ernest Hemingway era um beberrão, desses que não só não dispensam um gole de alto nível etílico como também tinha paladar apurado para criar clássicos famosos nos bares do mundo todo.

A receita de mojito, por exemplo, é creditada a ele. Hemingway criou a mistura de rum com hortelã em Cuba, com as melhores garrafas que o país produzia e comercializava num boteco chamado La Boteguita del Medio, em Havana, onde ele foi morar depois da segunda grande guerra. Claro que o lugar virou um ponto turístico onde milhares de litros do drink são consumidos diariamente.

Eu que não sou bobo nem nada fui procurar essa receita, que cai como uma luva nos dias quentes de verão e ainda agrada as moças fãs de drinks refrescantes e que (só aparentemente) não muito fortes.

. 50 ml de rum
. 30 ml de club soda
. 3 gomos de limão tahiti
. 10 folhas de hortelã
. açúcar

Macere as folhas, o limão e uma colherada de açúcar em um copo longo. Complete com o rum e o club soda e coloque gelo.

Para quem não leu nada de Hemingway, pode começar a conhecer a obra do escritor com um dos seus textos saborosos como “Paris É Uma Festa”, que descreve a elite intelectual da cidade francesa no meio do século passado. Depois, vale procurar pelos de ficção “O Velho e o Mar” e “Por Quem Os Sinos Dobrem”, seu título mais famoso. Anotado?

 

 
Fotos: Drink Made Easy, Commons Wikimedia

2 opiniões sobre “O mojito de Hemingway”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>